fbpx

Não basta ser bom, é preciso ser diferente. Conheça nossos produtos

Extreme Wear Repair Sistema epóxi bicomponente para manutenção industrial com alta resistência à abrasão

Sistema Extreme Wear Repair é base epóxi tixotrópico e bicomponente, contendo modificadores e grânulos médios de carbeto de silício, que conferem ao revestimento uma altíssima resistência à abrasão. Desenvolvido para altas exigências em relação à proteção, manutenção e reparo de materiais que estão sujeitos à intensa abrasão e corrosão. Com o endurecedor Gel, o material fica bastante tixotrópico, e com o endurecedor Líquido, ele adquire uma certa fluidez, mas sem escorrer.

Benefícios

  • Reparo a frio
  • Diminui as paradas e custo de substituição, pois aumenta a vida útil dos equipamentos
  • Alta resistência ao desgaste, abrasão e cavitação
  • Não contrai
  • Tixotrópico
  • Fácil de aplicar tanto na horizontal quanto na vertical

Principais Aplicações

Reparos e/ou manutenção de tubulações, calhas, bombas, estruturas, curvas de tubulações, tanques e outros. Para revestimentos em superfícies rugosas, preenchimento de cavidades e paredes.

RESINA EXTREME WEAR REPAIR + ENDURECEDOR EXTREME WEAR REPAIR LÍQUIDO ou GEL formam um sistema epóxi bicomponente tixotrópico de altíssima resistência a abrasão devido aos seus grânulos médios de carbeto de silício. Utilizado na indústria para manutenção e reparo de materiais que estão sujeitos à intensa abrasão e corrosão. A utilização do endurecedor gel leva a um material tixotrópico, enquanto um endurecedor líquido leva a um produto com certa fluidez, porém sem apresentar escorrimento.

Embalagens

• Resina Extreme Wear Repair (5,000 kg)

• Endurecedor Extreme Wear Repair Gel (0,400 kg)

• Endurecedor Extreme Wear Repair Líquido (0,350 kg)

• Tempo de trabalho a 25°C: 25 minutos

• Tempo de endurecimento a 25°C: 90 minutos

• Espessura recomendada: 5 – 15 mm

• Grãos grossos de carbeto de silício

  1. A superfície a ser revestida deverá estar limpa, lixada e de preferência jateada e seca, para boa aderência da resina. Nos locais onde não se deseja a aderência do produto, devem ser aplicadas duas camadas do desmoldante Z 15 LC.
  2. O endurecedor é simplesmente adicionado à Resina Extreme Wear Repair necessitando então de mistura entre os dois componentes, usando-se espátula metálica. Para quantidades maiores recomenda-se um homogeneizador mecânico. É essencial obter uma mistura homogênea.
  3. Quando a temperatura ambiente ou das peças for abaixo de 15°C, aplique uma fonte de calor para aquecer as peças e a resina a uma temperatura de, no mínimo 25°C. Este procedimento proporcionará a perfeita cura da resina, que por consequência promoverá a máxima resistência do sistema.
Perguntas sobre este item
x

Solicitar orçamento para

x

Mais informações do produto